Marcelo Odebrecht afirma que a política do petróleo do governo Lula e Dilma era “meio burra”

Posted by Andre Reis
Category:

Durante um dos depoimentos de delação premiada de Marcelo Odebrecht, surgiu a afirmação de que a política do petróleo do governo Lula e Dilma era “meio burra”. “Quando você estabelece que 60% de um projeto tem que ter conteúdo nacional é uma maneira meio burra de gerenciar a questão… A grande produtora internacional de sondas é a coréia do sul. uma sonda coreana tem 35% de conteúdo nacional coreano”.

Supostamente, houve pedido de propina por parte de João Vaccari, ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores diante d contrato de construção de seis sondas por um estaleiro.

Segundo o delator, houve recusa no pagamento da propina com a justificativa de que ∆a haviam outros acordos de pagamento.

Ainda para Marcelo Odebrecht, a empresa Sete Brasil, criada para construir as sondas, tem custos de produção que não compensa. Mesmo assim, a empresa entrou com participação acionária tem consorcio com outras empresas devido à pressões.

Atualmente, no governo Temer, houve redução dos percentuais da política de conteúdo local p. Também fora reduzidas as multas para empresas que não atingissem as metas.

Há um plano de recuperação judicial e negociação da Sete Brasil com a Petrobras para que apenas parte das sondas sejam entregues.

Fonte

Deixe um comentário

Unidos no combate
ao COVID-19

+55 21 97984-0055